E quem é ele?

| 01/11/2012
Bom, é ele quem me arranca as melhores gargalhadas, os melhores sorrisos...
É ele quem me dá os melhores abraços, os mais doces beijos, os mais valiosos segredos.
É dele o primeiro pensamento, o primeiro sorriso, a primeira alegria!
É ele quem faz meu coração pular de felicidade, de emoção e de agonia.
É dele todo o meu amor, toda minha canção, toda minha euforia.
É dele o meu grito, meu pensamento e meu silêncio.
É ele, é dele, só ele, só dele.

Sim, é ele! ♥





edit

Four ♥

| 01/09/2012
Dia 28 de Agosto, exatos quatro meses que eu conheci alguém que entrou na minha vida de uma forma totalmente estranha e mudou tudo de uma forma inimaginável, me fazendo perceber que eu poderia amar novamente, pode parecer exagero, mas sim, eu achei que esse amor nunca ia chegar.
Em quatro meses eu acordei feliz todos os dias, dormi feliz, e passava o dia inteirinho feliz! E não queria que aquela felicidade se acabasse por um segundinho sequer.
Eu posso dizer que encontrei o 'amor da minha vida'. Sim, ele chegou. Na hora certinha, me fazendo ter cada vez mais certeza de que eu o queria para sempre.
Eu quero o seu carinho todo dia, a sua preocupação, suas chatices, suas pertubações, seu drama, seu humor, suas piadas, seu amor. 
Quero a sua vida na minha vida até o fim raiar.

28.08.2012 Four Months. ♥


edit

Rápido demais...

| 03/06/2012
Às vezes acontece cada coisa na vida da gente... Coisas que a gente não entende nem como e nem porquê aconteceram, só aquela sensação maravilhosa de que era a hora certa.
As coisas comigo nunca acontecem rápido demais. Eu não me apaixono rápido demais, não me encanto rápido demais, não viro amigo rápido demais, não sei sentir muitas coisas rápido demais.
E acho estranhíssimo quando essas coisas acontecem com as pessoas, assim, rápido demais. E confesso que até já julguei em pensamento situações como essas, mas, enfim, não vem ao caso.
O que acontece, meu amigo, é que você não sabe mesmo quando a vida vai te surpreender.. Quando ela vai quebrar suas pernas e fazer você pagar a sua língua por mais de uma vez. É, a vida vem e te coloca numa situação que nem sequer passou pela sua cabeça, naquele momento. Vem a vida e te enche de dúvidas, vontades malucas, pensamentos estranhos e borboletas no estômago.
E, confesso, nunca foi tão gostoso sentir tantas coisas inesperadas ao mesmo tempo e assim, rápido demais!
A vida veio e me surpreendeu da melhor forma possível. Veio e me mostrou que, algumas coisas, podem sim serem rápidas demais e ainda sim serem verdadeiras. 
Quando esse tipo de coisa te atinge, bate tão forte, mas tão forte, que quebras tuas pernas, tu cai e quer mostrar pro mundo todo que tu caiu de felicidade! hahaha
Muita loucura, muita coisa estranha, mas muita coisa linda, muita coisa boa, muita sintonia, muita sinceridade e muita coisa querendo ser vivida!
Que seja assim. Sem medo de viver, sem medo de ser feliz. Que tenhamos coragem, coragem de amar cada vez mais. Que tenhamos vontade, vontade de fazer cada vez mais o outro sorrir. Que sejamos felizes. Felizes a cada segundo, a cada momento, a cada sorriso.
Que sejamos cada vez mais nós. Cada vez mais eu, cada vez mais você. Cada vez mais juntos!


 "Teu beijo gosto de lembrança, mas eu só te conheço há meia hora!
 E Olha como já estamos! Se for um sonho não me acorda..."
edit

Sabe?

| 11/05/2012
Sabe aquela felicidade que transborda e todo mundo percebe?
Sabe aquele sorriso que não sai dos lábios?
Sabe aquele riso bobo que você dá toda vez que se lembra de algo?
E aquela sensação de 'pessoa mais feliz do mundo'? Sabe?
Sabe aquele desejo de que isso tudo seja pra sempre?
O desejo infinito de que o encanto nunca se finde, de que os sorrisos nunca se desmanchem, de que a alegria nunca se desbote, de que a paz nunca vá embora...
O desejo de que o brilho dos olhos nunca se apague, que o barulho do silêncio seja sempre compreendido, que o sussurro no ouvido seja apaixonante, que o som da gargalhada seja sempre agradável, que a voz seja sempre o melhor som, que o aperto do abraço nunca sufoque, que o doce do beijo não se torne enjoado, que os arrepios sejam sempre lembrados, que as mãos andem sempre entrelaçadas, que os braços sejam acolhedores, que o carinho seja sempre aconchegante e que o amor seja sempre amado!


"Sabe quando a gente tem vontade de encontrar a novidade de uma pessoa? Quando o tempo passa rápido quando você está ao lado dessa pessoa? Quando dá vontade de ficar nos braços dela e nunca mais sair..."
edit

:)

| 02/05/2012
"o teu amor pode estar do seu lado."
edit

a gente nunca sabe...

| 20/04/2012

"Onde já se viu o mar apaixonado por uma menina?
- Quem já conseguiu dominar o amor?
Por que é que o mar não se apaixona por uma lagoa?
- Porque a gente nunca sabe de quem vai gostar..."

Ana e o Mar - O Teatro Mágico


A gente nunca sabe quando, como e de quem a gente vai gostar ou deixar de gostar. Seria fácil demais dizer pro nosso coraçãozinho lindo: "Olhe, fulaninho é um bom partido, goste dele!" ou então "Beltraninho gosta de você, ele nunca te faria sofrer" ou ainda "Pare de gostar dele porque ele não vale a pena" e várias outras opções..
É complicado quando alguém não sai da sua cabeça, por mais que já tenha passado da hora de sair, por mais que você só se lembre esporadicamente [mas lembra], por mais, por mais... ai ai ai!
Você acaba se ferindo e ferindo outras pessoas nas suas tentativas de se encontrar! Como disse Amarante "Se eu peco é na vontade de ter um amor de verdade..."
A gente se empolga, quer viver aquilo, acha que pode dar certo e no meio de tudo acaba descobrindo que a cura pra o seu mal ainda não chegou, que a cura pro seu coração tá vencida e que você não pode cobrir um buraco que ainda não está totalmente vazio.
É isso.. :~
edit

Tudo de uma vez.

| 15/04/2012

Eu quero aquela paz de fim de tarde, ouvindo o barulho da chuva e sentindo o perfume das flores.
Eu quero o desejo do abraço, o doce do beijo, a ternura de um chamego.
Eu quero as mãos entrelaçadas, os braços enrolados, os corpos frente a frente.
Eu quero o aperto dos abraços, o cheiro no cangote, o carinho envolvente.
Eu quero a doçura da voz, o barulho do silêncio, o sussurro no ouvido.
Eu quero o brilho dos olhos, o som da gargalhada, a paz do sorriso.
Eu quero a sinceridade, a humildade, o amor, a cumplicidade.
Eu quero a palhaçada, as brincadeiras, os arrepios, as (in)certezas.
Eu quero o encanto que encanta, o afeto que afeta, o abraço que aperta.

Eu quero a voz, o som, o silêncio, o barulho, a paz, a doçura, o cheiro, o corpo, as mãos, os braços, os abraços, os ouvidos, os sorrisos, os afetos e os encantos.
Quero tudo, tudo de uma vez.



edit

Novos sonhos ~

| 23/03/2012
"Novamente criança

Novos sonhos, daqueles de tirar outra vez um sorriso dos olhos:
Aquele sorriso envolto de lágrimas pela graça de novos horizontes.
O enxergar de uma nova manhã para aquele que teve um amor perdido,
Ou para aquele que viu seus planos se destruirem em instantes.

São pra aqueles que sofreram a dor amarga de uma perda,
Ou pros muitos que se perderam numa busca tão distante,
Que já não sabem mais o caminho de volta, estão cegos,
Ou já se lançaram desesperançosos numa sina errante.

Novos sonhos são pra aqueles que ainda não desistiram de ser,
De ser algo, ao que os pais, cheios de fé, tão desesperadamente clamam
De ser o novo, o outro passo, o novo ato, ponto marcante
De uma nova história, traçada e marcada na própria pele, com tinta vermelha, vermelha de sangue.
Novos sonhos são como o despertar de um novo tempo, de um novo momento o clarear da bela chance,
Daqueles que perdidos, se lançaram ao sabor do vento, e agora arrependidos tão maravilhosamente se levantam
As lágrimas que servem de luz para um feliz semblante, feito espelhos d´água refletem a nova esperança,
No reconstruir de uma nova etapa, no ressurgir da inocência,
No levantar de um novo dia, no sorriso que já brota
Novos sonhos de uma novamente criança.
Nova mente criança."

Rodrigo Seixas

edit

sonhos ~

| 23/03/2012

Sonhos nos levam a traçar metas, que nos levam a alcançar objetivos, que nos levam a realização desses sonhos.

Quando eu era criança eu tinha vários e vários sonhos. Queria ser médica, professora, voar de helicóptero e ter uma lanchonete! Eu fui crescendo e os sonhos foram mudando.. Depois eu queria ser modelo. Linda e elegante. Quis ser policial militar, quis ser juíza. Por fim, quis ser psicóloga. Foram os anos mais intensos da minha vida. Tinha tudo traçado, todas as metas a serem alcançadas, tudo planejado em minha cabecinha! Mas às vezes nossos sonhos não são os sonhos que Deus tem pra nós. São só meros sonhos, que depois a gente descobre que não seriam tão satisfatórios. E aí onde tudo começa a dar errado em sua vida! Em minha vida, pelo menos. Eu vivia pedindo pra Deus cumprir os planos dEle em minha vida, mas eu insistia em prestar vestibular pra um curso que eu não tinha perguntado a Deus se era o que Ele queria. Até que um belo dia, triste pelos vestibulares perdidos, Deus fala comigo, dizendo que não era aquilo que Ele queria pra mim, que eu me esforçava tanto, que Ele via o meu esforço, mas que não era o sonho dEle pra mim. E eu entendi e comecei a busca incessante na descoberta do curso dos sonhos de Deus! Não sabia pra onde ir, não sabia qual porta iria entrar e entrei pela porta da Fisioterapia, achando que era uma confirmação do Senhor. É um curso lindo, eu achei que fosse uma resposta de Deus, mas eu não me encaixei no curso, mas me encaixei perfeitamente na cidade em que Deus me colocou. Nunca vou esquecer os meus dias naquele lugar, nunca vou esquecer as pessoas maravilhosas que conheci lá e nunca vou esquecer o quanto que eu me aproximei de Deus junto com aquele povo! Não acho que tenha entendido errado a voz de Deus, eu acho mesmo que eu tinha que ir pra Jequié, começar a cursar Fisioterapia e viver tudo o que Deus tinha planejado pra mim durante aquele ano. Ele não faz nada em vão e tudo tem seu propósito! Deus me conhece mais do que ninguém, e Ele sabia que eu teria que começar um curso pra descobrir que eu queria outro curso! Depois que eu descobri que não queria continuar cursando Fisioterapia, eu quase entro em uma depressão por não saber que curso eu iria fazer! Sabe aquela sensação de não saber pra onde ir? Eu só sabia o que eu não queria! E isso era por demais enlouquecedor! Orei, chorei, clamei por uma resposta! Dormi enquanto chorava e orava. Assim que eu acordei Deus me deu uma reposta! Odontologia na UEFS. E tinha que ser na Universidade Estadual de Feira de Santana. Onde minha mãe sempre sonhou que um filho estudasse. Meu Deus! Como era bom ver uma luzinha no fim do túnel.. Como foi satisfatório ouvir Tua voz com uma resposta tão clara! As orações continuaram e as confirmações também! A outra parte era conversar com meus pais e achar neles o apoio pra trancar o curso e voltar a estudar. Esse sonho me moveu até o fio do cabelo! Eu estava disposta a trancar o curso, voltar pra minha cidade e começar tudo de novo no cursinho pré-vestibular. Pensar nisso era enlouquecedor e animador ao mesmo tempo! Eu estava tão entusiasmada e com medo daquilo tudo. As coisas iriam mudar e por escolha minha. Muita gente olhou feio, disse que não era uma boa idéia, que Odontologia era um curso difícil.. Mas eu não parei pra ouvir as críticas que me destruíam. Ouvi as construtivas e fiquei de queixo erguido pra seguir em frente! Sempre em frente! Fiz o primeiro vestibular, sem estudar, nem nada, logo depois que tranquei o curso. Fui até bem, mas não passei. Fiquei por 3. E não desistiram. Eu não me desesperei, afinal, tudo coopera para o meu bem! Meu Deus sabe exatamente a hora certa pra tudo! Então, a vida continua! Fui morar em outra cidade pra fazer o cursinho, comecei a trabalhar (porque não gostava de ver meus pais com dificuldades financeiras por minha causa e ficar quieta), isso atrapalhou meus estudos, mas continuei estudando. Fiz o vestibular e perdi feio! Fiquei longe de passar e aquilo me deixou muito triste, extremamente pra baixo. Voltei pra minha cidade pra continuar os estudos daqui e decidi que se eu não passasse no terceiro vestibular pra Odonto, eu voltaria pra Fisioterapia e tudo seria como Deus quisesse. Eu não tinha mais ânimo pra nada. Mal conseguia estudar. Tudo parecia dar errado pra mim, mas o sonho de passar não tinha desaparecido em meio aquele desânimo todo. Aquilo ainda ardia em meu peito, era o que me fazia querer seguir em frente, era o que me movia, sabe? Me fazia andar, sair do lugar de verdade. Enfim, chegou o dia da prova. Seria o último vestibular. E um dia antes eu começaria a participar de um projeto missionário. Foi bem complicado, mas Deus honra quem faz a Sua vontade! Os três dias de prova foram horríveis pra mim, eu tinha certeza que não passaria e que voltaria pra Jequié. Eu já não tinha esperanças, mas todos os dias eu pedia pra que Deus fizesse a vontade dEle em minha vida! E o resultado saiu, chorei tanto! Eu tinha passado! Nem acreditava no que tava acontecendo. Deus fez como havia dito! Eu sonhei o Seu sonho pra mim e Ele o realizou no tempo certo! Sonhar os sonhos de Deus pra sua vida, é fugir de frustrações, é caminhar pra sonhos que te trarão felicidade, nunca frustrações. Porque Deus é contigo, Deus é comigo. Aonde quer que eu vá, Ele me guiará, Ele sonhará novos sonhos, Ele me dará nova vida, Ele me dará novas realidades.

Sonhos regados de amor, paz, alegria e verdadeira esperança!

edit

;]

| 22/03/2012

Mulher tem uma mania infeliz de arrumar desculpa pra tudo né?
Não tô falando de arrumar desculpas pra tudo o que ela faz, mas sim desculpa pra tudo o que os homens fazem com a gente. Temos uma mania infeliz de enfeitar tudo, colocar explicação em tudo e se enganar de pouquinho em pouquinho.
Um exemplo ridículo e bem simples: quando ele não fala no chat/msn, a gente espera um pouco e começa a se perguntar porque ele não puxou papo ainda. E se passam trinta minutos e ele não fala nada, a gente pensa que o facebook deu erro e você não tá aparecendo on line pra ele ou que ele tá estudando e o facebook tá aberto ou ele não está no pc e a mais certa possibilidade, a de que ele não quer falar com você, fica sempre em último, porque né, é claro que se ele pudesse, ele falaria! Claro...

Bobagem... Quando a gente quer, a gente faz! É tudo tão simples, e a gente vai complicando e se enganando... tsc.
Quando a gente tem 15, 16 anos tem aquela coisa de 'fazer doce' senão o cara não vai se interessar ou o menino pensa que tem que pisar um pouquinho, ignorar pra vê se a menina fica mais interessada.. Peraê, né. A gente amadurece, claro que não pode se dar de bandeja pra qualquer um, mas quando gosta, quando quer por perto, quando se importa não tem nada que faça a outra pessoa te ignorar!
Aprende, menina.. Aprende que dói menos!

Quem quer arruma oportunidade! Quem não quer arruma desculpa! ;)

edit

pressa que me apressa. :~

| 21/03/2012

Eu acho que todas as noites, depois das minhas orações, Deus olha pra mim com carinho e pensa:

"poxa, minha filhinha... ela é tão apressadinha..
Por que ela não espera eu fazer as coisas do meu jeito?
Por que ela não poupa sofrimento e
aprende a esperar a minha vontade, o meu tempo?"

E quando eu tô triste, quando choro e não tenho vontade de fazer nada.. Ele conhece todos os meus pensamentos e sentimentos, acho que Ele fica tão triste de me ver pra baixo, porque Ele sabe dos planos que tem pra mim. E Ele sabe que em breve vai acontecer alguma coisa que vai me deixar muito feliz. Ele sabe que todos os Seus planos são excelentes, planos de paz. E Ele fica triste quando eu não confio, não espero, quero fazer tudo do meu jeito e pego o controle da minha vida das suas mãos. E eu acabo sofrendo sem necessidade por não saber esperar a coisa certa!
Mas eu não quero agir assim. Eu preciso que Deus dirija a minha vida. Eu não sei dar um passo sem a sua direção. Eu não consigo fazer nada sozinha, porque eu sei que a Sua mão me guia pra o caminho certo. Senhor, faz com que eu saiba esperar pela Tua vontade, pelo Teu tempo. Faz com que eu tenha paciência, faz com que eu confie em Ti, independente das lutas, das tristezas e das dores.
Cuida de mim, Paizinho. Porque sem Ti, eu não sou nadinha.


"Eu vou olhar para o alto e acreditar nos Teus cuidados.
Vou me firmar sobre a rocha e a
tempestade passará e eu ficarei em pé..."
edit

recolher-se e ficar a sonhar...

| 18/03/2012
“Às vezes é preciso recolher-se. O coração não quer obedecer, mas alguma vez aquieta; a ansiedade tem pés ligeiros, mas alguma vez resolve sentar-se à beira dessas águas. Ficamos sem falar, sem pensar, sem agir. É um começo de sabedoria, e dói. Dói controlar o pensamento, dói abafar o sentimento, além de ser doloroso parece pobre, triste e sem sentido. Amar era tão infinitamente melhor; curtir quem hoje se ausenta era tão imensamente mais rico. Não queremos escutar essa lição da vida, amadurecer parece algo sombrio, definitivo e assustador. Mas às vezes aquietar-se e esperar que o amor do outro nos descubra nesta praia isolada é só o que nos resta. Entramos no casulo fabricado com tanta dificuldade, e ficamos quase sem sonhar.”

- Lya Luft.
edit

rindo à toa...

| 17/03/2012


Me senti como uma menininha de 15 anos, de novo. Aquele friozinho na barriga, quando tá começando a se apaixonar. Aquela coisa engraçada de ver sentido em sorrir sozinha, só de lembrar do sorriso, da cena e sorrir mais ainda, e rir e gargalhar! De me sentir uma louca por estar tão feliz por um simples sorriso. Me sentindo extremamente feliz por quase nada. É, esse tipo de coisa deixa a gente assim mesmo. Boba, sem sentido, sorrindo à toa.
É, sorrindo à toa.

;)
edit

:~

| 20/02/2012
um abraço doce, suave, leve e carinhoso.

:~
edit

O simples é lindo...

| 18/02/2012


"Tudo que parece meio bobo é sempre muito bonito,
porque não tem complicação. Coisa simples é lindo! E existe muito pouco."
C.F.

edit

:)

| 17/02/2012

Fazia muito tempo que eu não tinha vontade de sorrir para nada nem para ninguém, então era extraordinário que ele conseguisse perturbar assim os cantos de meus lábios…”

- Caio Fernando Abreu.

edit

te espero.

| 16/02/2012

Te espero porque sei que você vai chegar.
Te espero sabendo que você vai me amar,
E eu serei tudo aquilo que você sempre quis,
mesmo com meus milhões de defeitos;
minhas manias insuportáveis;
de falar sem parar,
de comer sem parar,
de reclamar sem parar;
de agir sem pensar; de pensar e não agir.
Mas eu sei que você vai me amar exatamente como eu sou;
sem tirar, nem acrescentar.
Eu acredito sim, eu sei que Deus tem tudo planejado!
Eu sei que Ele caprichou em você!
E que você vai ter tudo o que eu sempre quis,
e que eu vou te amar com todos os teus defeitos,
todas as tuas manias, sem tirar e nem acrescentar nada em você.
Eu sei que você vai chegar, não sei quando, nem onde, nem a hora!
Mas você vai chegar, eu sei que vai.
E olha, eu estou esperando por você.

Eu Escolhi Esperar.
Eu escolhi te esperar.


"Que medo alegre, o de te esperar"


*O texto NÃO é do blog Eu Escolhi Esperar.
edit

amor. amor. amor.

| 15/02/2012

“Amor. Bolinhas de sabão. O som de copos com água. O som das gotas no chão. Um sorriso tímido. A música por trás dos ruídos. Um coração encostado no outro. Um ou dois para sempres. Um avião nas mãos de um menino. Um barquinho de papel. Uma pipa atravessando as nuvens. Uma sementeira de tulipas. Um mingauzinho de aveia. Um par de meias listradas. Dois ou três cata-ventos. Uma palavra inventada.”

- Rita Apoena.


Ah, eu quero tanto amar de novo. Ficar o dia todo pensando em uma mesma pessoa, desejando estar com ela o tempo todo. Quero me sentir viva novamente, fazer alguém feliz e ser feliz junto de alguém.

Ah, amor! Me encontre de novo, que eu tô doida pra te encontrar!


;)

edit

motivo

| 11/02/2012
No dia 26 de Julho de 2010 eu criei esse blog.
Eu tenho problemas em me expressar. Não gosto muito de desabafar, mas às vezes gosto de falar sobre o que sinto, mas tenho muita dificuldade... e quando quero de verdade, nem sempre consigo. Eu sei, é horrível. E eu encontrei no blog uma saída pra isso. Porque aqui eu conseguia escrever tudo o que eu estava sentindo, pensando, imaginando. Não escrevo bem e nem sou poeta, não gosto de escrever sobre coisas aleatórias. Mas gosto de escrever sobre mim, sobre o que eu sinto, sobre o que acontece comigo. Eu aprendi que dessa forma eu posso me conhecer muito melhor.
Enfim, o motivo de criar esse blog foi pra desabafar. Escrever sobre coisas que eu já estava cansada de pensar sozinha, de sonhar sozinha, de imaginar sozinha. Escrever pra desabafar, pra ver se passava, se acalmava. Às vezes não resolvia, mas pelo menos aliviava. Parecia que tirava um peso das costas. Vira e mexe eu leio as postagens antigas, e o bom é saber que elas não mexem mais comigo. Há alguns meses atrás eu lia e me sentia totalmente dentro de cada post, como se eu tivesse andando em círculos, como se a mesma coisa acontecesse o tempo todo e eu não tivesse saindo do lugar. Hoje eu leio e, claro, me sinto dentro de cada post porque eu vivi aquilo, mas eu sinto como se eu tivesse dado um passo à frente, ou melhor, vários passos à frente! E é um alívio perceber isso, é bom saber que eu aprendi a andar e decidi caminhar pra frente, porque eu estava para ou quase andando pra trás.

E o motivo desse blog continuar existindo mudou! Mudou porque eu mudei, cresci, envelheci e amadureci. Mudou porque eu quis, simplesmente!

(:
edit

so easy!

| 06/01/2012
"Não é fácil
Não pensar em você
Não é fácil, é estranho..."



Eu já passei dessa fase, sabe?
Já passei da fase de estar sofrendo e não conseguir parar de pensar em alguém.
Já deixei de me importar e já deixei de amar.
É, eu que achava que só se amava uma vez, que se acabou é porque não era amor. Mas eu vou e volto...
É bem por aí mesmo. Se acabou, é porque não foi amor. Foi qualquer coisa, um gostar muito, muito, muito. Uma paixão avassaladora, um sentimento gostoso, sincero. Mas amor não acaba. Amor de verdade permanece a vida toda.
Mas sei lá, amor se aprende. Então, se você aprende a fazer algo, como você desaprende de uma hora pra outra? Por isso que acho que, se desaprendeu, é porque nunca aprendeu, de fato. Se deixou de amar, é porque nunca houve amor. É muito confuso. 
Eu jurava que amava. Jurava que seria eterno. Até que a morte nos separe, sabe? Pois é.
E hoje eu não sinto nada. Ou sinto e finjo que não sinto. tô dizendo.. Eu sou a contradição em pessoa com relação aos meus sentimentos.
O post não era sobre amor, então voltemos!
Hoje eu sou mais dura e mais firme comigo mesma.
Se eu digo: "não vou pensar nesse imbecil porque não vale a pena", eu não penso. Eu consigo deixar pra lá. 
Tá, eu não consigo dominar meus sentimentos. Eu não consigo! Mas eu consigo ser firme em algumas decisões que eu tomo.. Pode ser que eu demore, mas quando tomo a decisão, não volto atrás.
Agora tô assim. Me decidi, já foi.
Cansei de ficar voltando atrás em tudo... Causa um desgaste emocional retado! E eu não preciso disso!
Por isso que eu digo: em 2012 eu tô leve! 
Sei que vai ser um ano bom, porque eu tô bem comigo mesma! Eu tô feliz, eu tô tranquila e sei que tudo vem no tempo certo!

êa! Hoje eu não tô normal...

:D

edit

o encanto da eterna amizade ~

| 05/01/2012
Se encantaram um pelo outro. Foi uma coisa mágica, uma coisa que no momento era tudo que ela precisava sentir. Uma coisa boa de olhar, de ouvir, de sentir. Não posso afirmar que se apaixonaram, mas creio que chegaram bem perto disso. A vontade de estar junto parecia ultrapassar qualquer obstáculo. Parecia somente.
O coração cheio de marcas, a cabeça cheia de coisas. Mais um sentimento pra sentir, um alguém novo pra gostar. Uma pessoa pra se apegar, apaixonar, amar. Tudo era muito novo, de novo. Aquilo que tinha tudo pra ser lindo, acabou se tornando uma coisa complicada demais, estranha demais, verdadeira demais.
E ela tinha medo daquilo. Tinha medo que o seu fantasma do passado voltasse a atormentasse o presente - que estaria sendo perfeito - medo de se deixar atormentar e estragar toda aquela delicadeza, toda aquela doçura, todo aquele amor que lhe era proporcionado. Tinha medo de machucar alguém que estava disposto a lhe dar somente amor. E resolveu se afastar. Droga. Quantas coisas ela já deixou de fazer por medo de machucar as pessoas? Quantas vezes ela poderia ser feliz e fazer alguém feliz, e não o fez por medo? Ela tem medo de que o medo a impeça de muitas coisas... Mas, enfim. Por medo, resolveu que seriam apenas amigos. E eram mesmo. Levaram essa história a sério e a amizade cresceu como ela não imaginava. Se afastaram, tanto fisicamente como emocionalmente... Mas, bastou um segundo encontro, algumas conversas jogadas fora e num passe de mágica, tudo aquilo voltou. E o desejo de ser mais que amigos aflorou como antes. E ela estava disposta de deixar o medo de lado e viver toda aquela mágica, todo aquele encanto, toda aquela beleza de amor. Mas não era a hora dele. Ele que estava confuso. Ele que não sabia mais o que fazer. E restou a amizade. O amor. Amor que virara amigo.
E agora, fingem que nada nunca os aconteceu. Fingem que o amor passou e a amizade ficou. E que assim seja!
Talvez seja melhor assim. Talvez nasceram um para o outro, pra ser amigo do outro.
E é assim que verdadeiras amizades prevalecem!
edit
Postagens mais recentes Postagens mais antigas

Um blog que mistura verdades, pesares e poesia ~

© Design 1/2 a px. · 2015 · Pattern Template by Simzu · © Content ~ Apesar do Pesar