Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

~talvez~ a gente daria certo

Imagem
Quando a gente se conheceu, la por outubro de 2004, era tudo meio que brincadeira pra nós dois. Nunca esqueci de quando você me beijou e perguntou: “Por que eu não te encontrei antes, menina?!”. Quis acreditar que era sincero. A cada dia, cada novo sorriso, cada nova conversa, cada pedacinho teu que eu ia conhecendo, cada tarde com os cotovelos debruçados na mesa da lojinha, cada olhar sincero e a cada abraço recebido e dado, me fizeram sentir uma coisa inesperada por você. Que eu fazia questão de não assumir pra mim mesma e muito menos pra você. E a gente levava aquela nossa brincadeira (que parecia coisa séria) muito bem. Você era até romântico as vezes e eu nunca soube como agir com você, eu só era eu mesma, e isso bastava, eu acho. Já que, pra mim, aquilo não passaria daquilo, entende? Aquilo tinha data pra acabar e eu não estava disposta a chorar e deixar meu coração ser quebrado assim. Mas, mais uma vez, a gente não controla sentimento e muito menos apego. A gente se apegou, a …

c a t i v a r ~

Imagem
Dia desses, enquanto perdia meu tempo olhando o facebook e tentando esquecer tua lembrança pela décima vez, alguém postou um trecho de 'O pequeno Príncipe'. Um dos meus favoritos, mas que há algum tempo não pensava sobre ele. E foi lendo “O que quer dizer ‘cativar’?” que eu me lembrei de você. Afinal, como não lembrar? É nessas horas que a gente se pergunta, porque com tanta gente por aí, existe somente uma que faz nosso coração acelerar, nossa perna tremer, o corpo arrepiar e o sorriso enlarguecer num só segundo. Alguém que te traz agonia e calmaria, no mesmo momento. É o tal do cativar, porque, como disse a Raposa ao little prince:


“Tu não és ainda para mim senão um garoto inteiramente igual a cem mil outros garotos. E eu não tenho necessidade de ti. E tu não tens também necessidade de mim. Não passo a teus olhos de uma raposa igual a cem mil outras raposas. Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim o único no mundo. E eu serei para ti única no …