Sabe?

Sabe aquela felicidade que transborda e todo mundo percebe?
Sabe aquele sorriso que não sai dos lábios?
Sabe aquele riso bobo que você dá toda vez que se lembra de algo?
E aquela sensação de 'pessoa mais feliz do mundo'? Sabe?
Sabe aquele desejo de que isso tudo seja pra sempre?
O desejo infinito de que o encanto nunca se finde, de que os sorrisos nunca se desmanchem, de que a alegria nunca se desbote, de que a paz nunca vá embora...
O desejo de que o brilho dos olhos nunca se apague, que o barulho do silêncio seja sempre compreendido, que o sussurro no ouvido seja apaixonante, que o som da gargalhada seja sempre agradável, que a voz seja sempre o melhor som, que o aperto do abraço nunca sufoque, que o doce do beijo não se torne enjoado, que os arrepios sejam sempre lembrados, que as mãos andem sempre entrelaçadas, que os braços sejam acolhedores, que o carinho seja sempre aconchegante e que o amor seja sempre amado!


"Sabe quando a gente tem vontade de encontrar a novidade de uma pessoa? Quando o tempo passa rápido quando você está ao lado dessa pessoa? Quando dá vontade de ficar nos braços dela e nunca mais sair..."

Comentários

  1. Eu não sei sobre nada disso, mas depois de ler, fiquei com uma vontadezinha de saber.
    Texto lindo, Mah. Me fez lembrar "Sei" de Nando Reis. *-*

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Não se fazem mais amigos como antigamente!

Se não te faz sentir, não faz sentido.

Enche o copinho pra mim?