Lápis pra riscar, borracha pra apagar.

"Vou apagando aos poucos...
Temo que a borracha acabe antes de chegar ao fim
Caso isso aconteça, não faz mal
Posso outra comprar, pra colocar em seu lugar.
E se essa outra, por acaso, também acabar
Ponho outra em seu lugar, mas não desisto de terminar.
E assim será, até não ter mais o que apagar.
Mas vou apagando, é longa, mas dá pra acabar...
Vou apagando até que não sobre nenhuma linha
Pra qualquer história contar"


"E a nossa história não estará pelo avesso assim, sem final feliz"

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não se fazem mais amigos como antigamente!

Se não te faz sentir, não faz sentido.

Enche o copinho pra mim?